Observatório do Setor

A oferta interna de energia cresceu 80% entre 1995 e 2019, saltando de 162 milhões de toneladas equivalentes de petróleo (tep) para 294 milhões tep. O gás natural elevou sua participação em mais de 6 vezes, sendo a fonte que exibiu maior crescimento proporcional nesse período, passando de cerca de 5 milhões tep para 36 milhões tep, enquanto o petróleo foi responsável pela maior contribuição absoluta, atingindo 101 milhões tep.