Bônus de assinatura e blocos arrematados 15ª Rodada

Observatório do Setor
Atualizado em 9 de abril de 2018
A Rodada 15 caracterizou-se pela diversidade de empresas atuando como operadoras, 7, no total. Dos 47 blocos marítimos ofertados, 22 foram outorgados, com destaque para a Bacia de Campos, onde os 9 campos ofertados foram arrematados. A Exxon e a Petrobras foram que mais contribuíram para o montante recorde arrecadado com bônus de assinatura.

Bônus de assinatura e blocos arrematados por ambiente geológico na 14ª Rodada

Observatório do Setor
Atualizado em 29 de setembro de 2017
Cerca de 90% da arrecadação de bônus de assinatura, aproximadamente R$ 3,4 bilhões, na 14º Rodada refere-se à outorga de apenas dois dos 37 blocos arrematados. A menor parcela ofertada, R$ 11 milhões, é decorrente da outorga de 24 blocos onshore e o restante de outros blocos offshore. Os blocos arrematados com maior bônus encontram-se […]

Bônus de assinatura e participação de empresas na 14ª Rodada

Observatório do Setor
Atualizado em 29 de setembro de 2017
O leilão da 14ª Rodada registrou recorde em oferta de bônus de assinatura. O desembolso da ExxonMobil correspondeu a metade do valor total ofertado. A forte participação da ExxonMobil mostra que o potencial dos ativos petrolíferos nacionais constitui grande atrativo para o investimento de companhias privadas internacionais. Aliado a isso, o estabelecimento do calendários de […]

Bônus de assinatura e empresas habilitadas: regime de concessão

Observatório do Setor
Atualizado em 27 de novembro de 2018
O Bônus de Assinatura é um critério de seleção tradicional em licitações para concessão. O valor do bônus está associado a expectativa das empresas quanto ao potencial produtivo dos blocos disputados e ao grau de competição pela área na rodada de licitação.

Programa exploratório mínimo: regime de concessão

Observatório do Setor
Atualizado em 28 de setembro de 2017
O Programa Exploratório Mínimo (PEM) corresponde ao montante mínimo de investimentos que as empresas se propõe a executar na fase de exploração em seus blocos. Um dos componentes do PEM são investimentos em sísmica 2D e 3D. A inclusão do PEM como critério de seleção para as rodadas teve início na 5ª rodada de licitação. PEM: “Conjunto de atividades destinadas ao cumprimento das obrigações contratuais da fase de exploração, realizadas em uma área de concessão e no qual cada atividade é computada quantitativamente de acordo com a sua natureza e abrangência, que possui uma equivalência em unidades de trabalho (UT's) e que corresponde ao parâmetro de oferta vencedor da licitação da área.” (ANP)

Sucesso das rodadas de licitação: regime de concessão

Observatório do Setor
Atualizado em 28 de setembro de 2017
Dos 4.308 blocos licitados, 1.016 foram arrematados (658 onshore e 358 offshore). As rodadas variaram em atratividade. Muitos aspectos influenciam o sucesso das rodadas como por exemplo, características geológicas, regula+ção, expectativas de preços do petróleo.

Calendário de rodadas futuras

Observatório do Setor
Atualizado em 3 de dezembro de 2018
O Governo estabeleceu uma agenda regular de rodadas de licitação para exploração e produção de óleo e gás. Estão previstas para ocorrer três rodadas de Concessão e três de Partilha da Produção até o fim de 2021. A construção de um calendário de longo prazo de licitações é importante para manter a constância na oferta […]

4º Rodada de Acumulações Marginais

Observatório do Setor
Atualizado em 9 de junho de 2017
Em maio de 2017, foi realizada a 4º Rodada de Acumulações Marginais. O bônus de assinatura mínimo previsto no edital era de R$ 451.505,00. Destaca-se que o valor ofertado foi 16,7 vezes maior, totalizando R$ 7.977.983,46. A área de Itaparica, na bacia do Recôncavo, foi responsável por pouco mais de 70% desse valor, sendo arrematada […]

Comparação dos modelos fiscais de partilha e concessão

Observatório do Setor
Atualizado em 14 de fevereiro de 2017
IBP e GEE/UFRJ divulgam trabalho comparativo entre concessão e partilha.

Total das obrigações e recursos autorizados em P&D por concessionária

Observatório do Setor
Atualizado em 7 de fevereiro de 2017
Os recursos direcionados para Pesquisa & Desenvolvimento (P&D) originados pela produção de petróleo e gás são consideráveis. Apesar disso, boa parte desses recursos ainda necessita ser efetivamente aplicado.