​A matriz de riscos oferece, assim, uma maior segurança jurídica para as partes, permitindo ao licitante precificar os riscos ambientais envolvidos e prever as ações necessárias para evitar a sua ocorrência ou mitigá-la.

Uma análise sobre o sucesso das rodadas de licitação de blocos exploratórios entre os anos de 2017 e 2018 foi elaborada pela equipe de Análise Econômica do IBP, em formato de e-book, destacando que a regularidade da oferta contínua de áreas de exploração trouxe resultados positivos para indústria de óleo e gás. O material também […]


Evolução das médias dos compromissos de conteúdo local: regime de concessão

Observatório do Setor
Atualizado em 16 de dezembro de 2019
A participação do conteúdo local nos lances das licitações variou ao longo das rodadas. Da primeira a quarta rodadas o peso do conteúdo local era equivalente a 20% dos pontos do lance das empresas para arrematar os blocos. Na quinta e sexta este peso passou a ser de 40% e a partir da sétima rodada […]

Blocos concedidos e licitados: regime de concessão

Observatório do Setor
Atualizado em 28 de setembro de 2017
Em 1998 foi realizada a rodada zero. Nesta rodada, a Petrobras assinou com a ANP 397 contratos de concessão referentes a 115 blocos exploratórios, 51 para áreas de desenvolvimento e 231 campos de produção. Até a 13ª rodada 1.016 blocos foram arrematados. Desses, 948 foram efetivamente concedidos.

Bônus de assinatura e empresas habilitadas: regime de concessão

Observatório do Setor
Atualizado em 27 de novembro de 2018
O Bônus de Assinatura é um critério de seleção tradicional em licitações para concessão. O valor do bônus está associado a expectativa das empresas quanto ao potencial produtivo dos blocos disputados e ao grau de competição pela área na rodada de licitação.

Sucesso das rodadas de licitação: regime de concessão

Observatório do Setor
Atualizado em 16 de dezembro de 2019
Dos 4.663 blocos licitados, 1.075 foram arrematados (682 onshore e 393 offshore). As rodadas variaram em atratividade. Muitos aspectos influenciam o sucesso das rodadas como, por exemplo, características geológicas, regulação e expectativas de preços do petróleo.


Evolução do preço do petróleo e bônus de assinatura por rodada de concessão

Observatório do Setor
Atualizado em 16 de dezembro de 2019
Os preços do petróleo são fator-chave na tomada de decisão de investimento em Exploração e Produção. Existe certa correlação entre esses preços e o ímpeto das empresas nas rodadas de licitação ao redor do mundo. A importância da realização frequente de rodadas gera confiança para o planejamento de fornecedores, além de permitir um avanço sustentado […]